Visual Merchandising

visual merchandising
Foto: Galeria da Arquitetura Marcelo Donadussi

O Visual Merchandising (VM) é uma técnica aplicada em estabelecimentos comerciais e corporativos e tem o objetivo de gerar retorno pessoal e financeiro.

Quando pensamos em uma obra não envolvemos apenas a parte da construção, mas como todas as nossas consultorias, vamos além de um projeto. Isto acontece quando nos preocupamos com o visual merchandising de cada local.

O VM é uma estratégia de marketing para valorização de pontos de venda. Ele tem a intenção de atrair mais clientes, concretizar vendas e fidelizar o consumidor.

Onde aplicar o Visual Merchandising?

Essa técnica pode ser aplicada em todos os tipos de comércio, mesmo depois que a loja já está em funcionamento. Porém, ela se torna bem mais eficiente se aplicada desde o início da obra, ou seja, durante a reforma/construção do ponto de venda.

O uso deste tipo de visão de projeto na arquitetura não é recente, mas atualmente tem se tornado indispensável no cenário competitivo do mercado. Afinal o cliente está buscando cada vez mais novidades na hora de comprar. E nós conseguimos dar esta segurança quando abrimos o leque da visão daquele ponto específico. 

Como aplicar o Visual Merchandising?

Para aplicar o VM, precisamos avaliar as seguintes partes do projeto:
– Fachadas: nela precisamos nos atentar na sinalização de letreiro, acesso a loja, e a vitrine.
– Disposição do mobiliário e a circulação dentro da loja: neste, é preciso observar o design do mobiliário e dos expositores na loja.
– Espaços de permanência: aqui as distâncias entre prateleiras e entre os clientes são pontos fundamentais.
– Iluminação: as luzes precisam destacar o produto sem cansar a vista do consumidor.
– Cores, texturas e materiais: temos que usá-las para chamar a atenção do cliente de maneira positiva e despertar a vontade de comprar.

Visto estes passos devemos reformular e destacar o local com a utilização do visual merchandising. Vale ressaltar que o retorno de vendas não é o único foco, mas também o bem-estar de todo o redor daquele local, além dos próprios donos que frequentam.

O projeto envolve sim a base financeira, mas para obtê-la é necessário que aqueles que a frequentam se sintam bem, por isso ele está relacionado também a uma caracterização de personalidade voltada para o foco certo, gerando retorno pessoal e financeiro. 

Quer saber mais sobre isto? Entre em contato com a gente!
Será um prazer desenvolver seu projeto aplicando o conceito de visual merchandising no seu negócio!

Mais fotos do supermercado Konig aqui no Galeria da Arquitetura.

visual merchandising

Deixe uma resposta